terça-feira, 29 de dezembro de 2009

Feliz 2010!

Um ótimo ano a todos que deram uma passadinha por aqui e que de alguma forma, tornaram o meu 2009 muito melhor!



Quem venha 2010!!


"Porque os obstáculos são para os fracos"




domingo, 6 de dezembro de 2009

Um dia muito especial.



Quinta-feira, dia 3 de dezembro foi um dia muito especial.
Aproveitando a data que comemora o dia da luta da pessoa com deficiência, recebemos da prefeitura de São José dos Campos, em uma noite de festa, as 10 cadeiras de basquete feitas sob medida para o nosso time.

Após os comes e bebes e o oba-oba que a parte política exige, fomos para a quadra participar de uma partida amistosa contra nossos amigos de Taubaté.
Levamos um chocolate, mas não quero entrar em detalhes, rsrsrsrs.
O que importa é que a cidade deu um grand
e passo para inclusão. Uma cidade que proporciona lazer a todos é uma cidade mais justa. Falta muito, o trabalho tem que ser de formiguinhas, mas chegaremos lá!

Força São José, um time formado por guerreiros e que acabou de ganhar "cavalos" novos.


Muito obrigado aos políticos envolvidos, ao pessoal da prefeitura (que não faz parte da política) e muito obrigado também às pessoas que fizeram de tudo para nos derrubar. Deram um tiro no próprio pé, pois a cada investida sua, ficávamos mais fortes!
VALEU!!

segunda-feira, 23 de novembro de 2009

Felicidade


Como é louca essa vida...passamos o tempo todo querendo ter, ter e ter. Mas a verdadeira busca, está na tal felicidade.
Conversando com um amigo e analisando essa questão, chegamos a um determinado ponto: o cara é solteiro, tem um ótimo trabalho, é jovem, saudável e diz que nem sempre é feliz. Eu sou cadeirante, desempregado, casado (rsrsrssr) e também nem sempre sou feliz. NORMAL! O que falta pra um, sobra para o outro!
E é assim mesmo, o grande barato da vida é essa busca! E em determinado dia ou momento se alcança ou está realmente feliz, pronto!! Esse dia tem que demorar para acabar, porque amanhã tem outro e a busca continua....
Certa vez escrevi aqui que estava triste, melancólico....não tenho direito? Não posso chorar?
À merda, quem pensa que não!!
Sou de carne e osso! Sou ator, então sei fingir, mas só no palco e na hora certa. Vestir essa personagem que é cadeirante, forte, modelo ou exemplo...é o cacete!!
Melhorei muito como pessoa, mas meus defeitos não desapareceram e nem irão desaparecer.

Passe outra hora.....Não estou a venda, não!!

sexta-feira, 30 de outubro de 2009

Nasce um Time.

A prefeitura de São José dos Campos está apoiando e incentivando a criação do primeiro time de basquete em cadeira de rodas da cidade.

O mais difícil nós já conseguimos, que são os equipamentos e o local para o treino, por incrível que pareça, o desafio maior, neste momento, está sendo encontrar JOGADORES!

Se você conhece alguma pessoa com deficiência que não tem comprometimento dos membros superiores, faça esta mensagem chegar até ela. Se não conhece ninguém, faça esta mensagem chegar até alguém que conhece. Principalmente nas grandes empresas da região que empregam PNE (portadores de necessidades especiais).

Copie o texto acima e passe meu email de contato: ebonocchi@hotmail.com


quarta-feira, 28 de outubro de 2009

Estudando muito.

Estou ficando amarelo de tanto estudar.



Mas, para garantir uma vaguinha no concurso da prefeitura aqui da minha cidade, não tem outro caminho.

O difícil é entender por que o funcionalismo público, de uma forma geral é tão ruim....se a gente tem que se preparar tanto....

Tostines vende mais porque é fresquinho? Ou é fresquinho porque vende mais???

sábado, 3 de outubro de 2009

Eu era contra....

Não era favorável à Copa e muito menos às Olimpíadas, mas o Brasil levou!
Não era a favor, por não concordar que um país, onde falta leitos hospitalares, salas de aula e segurança pública, possa gastar dinheiro em construções gigantescas que servirão apenas para o entretenimento. E como diria um radialista conhecido: "O futebol é a coisa mais importante dentre as menos importantes do Brasil!"
Tomara Deus, que fiscalizem o "dindim" empregado e que não seja como foi o Pan do Rio, onde o tal legado deixado para a cidade se encontra abandonado e que o povo carioca é incapaz de cobrar!!

Por outro lado, olhando tudo isso como defici
ente que sou, acredito e vejo os benefícios que os brasileiros malacabados como eu, receberão. Pois a Copa e os Jogos Olímpicos trarão uma preocupação social, (obrigatória em contrato) voltada a inclusão e acessibilidade das pessoas com necessidades especiais, que ainda não temos.
Isso significa, rampas e mais rampas....banheiros e vagas exclusivas, piso táctil, placas em braille....sem contar o apoio que teremos ao esporte Paraolímpico...ah, como é bom sonhar em viver num país de primeiro mundo, onde todos são iguais....


Viva a Copa!! Viva o Rio 2016!!







segunda-feira, 28 de setembro de 2009

Apenas um ator

Para quem não me conhecia ou duvidava....esse mamulengo que vos escreve já esteve em um palco. E quando nele subia, não queria descer.

Umas fotinhos....

1996-Teatro Escola Célia Helena

Célia Helena (96) - "Lisístrata" (com Andre, amigo até hoje)


"Viúva Porém Honesta" - 1998-personagem Diado da Fonseca- (grande amiga Milena ao fundo)
Muito a aprender (mas era esse o tesão da profissão)



"Nos Tempos de Martins Pena" 99/2001 (essa peça fez sucesso!!)


Se a vida da gente fosse uma peça de teatro....viveria numa eterna comédia!!


Rir, é o melhor remédio!!




quarta-feira, 26 de agosto de 2009

Sob encomenda

Dia das Crianças está se aproximando.
Essas camisetas só serão feitas sob encomenda!
Camisetas e baby looks BRANCAS, em todos os tamanhos.


Jogo da velha



Pequeno Príncipe



São para comemorar a criança que ocupa 97% do meu juízo.

sexta-feira, 21 de agosto de 2009

Sem muita inspiração mas com uma puta vontade de escrever....

Quero,

mgvtrgoimtigiktpgo,tgtrpgtg

,;DVPMknfs

djfdfivofnu4 co iuwxywqwqoueyeibUIGDIOEF,AFKLJIOBUIHhihdidhioen

djfdfivofnu4 co iuwxywqwqoueyeibUIGDI

jsdldkjf

sjhfdheuifhri

hfdheuifhughbc023i80767656720490908(*&¨*&%¨%$¨%()nd lflofrfn





dejdefjroiguj



É isso!



Logo logo, volto a normalidade.

segunda-feira, 17 de agosto de 2009

Outra possibilidade.


Há uns 4 meses conheci o jogo de poker.
De lá pra cá, jogo todas as noites em sites variados.

Já passei o gostinho do jogo pra minha mulher, e para alg
uns da minha família.
Pois bem, não teria nada demais isso tudo se o poker fosse um jogo de cartas qualquer, como o buraco por exemplo.

Com o poker voce aprende a analisar, ouvir e pensar antes de agir, e isso vale para o nosso cotidiano.
Sempre ouvi que "sai ganhando, quem ouve mais" e não é que é verdade?

Sem contar que para um cara que como eu, que sempre foi competitivo, o poker é um prato cheio.
E não deixa de ser uma nova possibilidade de esporte, esporte da mente, mas é esporte!

Uma mesa com até dez amigos, cerveja, petiscos e muito papo furado...pode ser o melhor programa a se fazer num sábado a noite. Nada muito sério também, pois alguém já disse:

"Há duas ocasiões em que o homem não deve jogar: quando não tem dinheiro e quando tem. " (alguém)




Fiquem tranquilos que não estou viciado. Só jogo quando bebo e não minto mais, agora só blefo.

domingo, 9 de agosto de 2009

Seguindo conselhos....

eu e a Cinthia, minha cunhada, conferindo o estoque.

Seguindo conselhos de alguns amigos que aqui postaram seus comments, COMEMOREI!

eu, meu irmão Sandro, minha cunhada e meu papito!


Comemorei com a minha família o aniversário da segunda chance que Deus me deu.
Fizemos um churrasco de cordeiro....muita skol gelada, uma cachacinha, muita conversa nada construtiva, mas que fizeram desse sábado um dia especial.

Valeu pela força de todos semana passada.

Espantei o bode e comi o carneiro!

minha sobrinha Natália conferindo o arremate final.

segunda-feira, 3 de agosto de 2009

Uma semana melancólica.

Apesar de me considerar uma pessoa bem humorada e sempre de alto astral, não tem como não me sentir melancólico e um pouco triste nessa semana.

Está fazendo 4 anos que me acidentei.
4 anos de mudanças físicas (20 quilos a mais na conta) e sentimentais.
4 anos sem sentir a areia da praia nos meus pés.
4 anos sem o meu futvolei.
4 anos sem correr com a Dolores.
4 anos....

No início dessa mudança achava que não aguentaria o tranco.
E lá se vão 4 anos...mas tô aqui, um pouco triste, mas pronto pra mais 4.


"mudaram as estações,nada mudou...
...que tudo era pra sempre, sem saber, que o 'pra sempre', sempre acaba...."


Semana que vem eu volto menos chato!

segunda-feira, 20 de julho de 2009

A Camiseta na TV

Pra quem não é da nossa região ou pra quem é e não viu.

O Papo Vanguarda é um programa que passa na afiliada da Globo aqui na nossa região - TV Vanguarda.
Aos domingos após o Jogo Duro, Vinicius Val Verde (pra quem não ligou o nome à pessoa, é o cara do "De olho no BBB") apresenta um programa bacana de entrevistas, onde recebe celebridades, cantores, escritores e até pessoas comuns com histórias interessantes.
Consegui que um amigo em comum levasse uma de nossas camisetas até ele, e para minha grata surpresa, usou no programa desse domingo.
Abaixo segue o vídeo com um trecho do programa PAPO VANGUARDA.

video

Muito obrigado pela força,Vinicius.

sexta-feira, 17 de julho de 2009

Consciência Social


Acredite se quiser....isso aconteceu por aqui!

Um rapaz malacabado como eu, passeando com seu carro novinho pela cidade....isso não tem nada demais, não é?



Os detalhes: como disse, o rapaz é um malacabado, mas com a intenção de chamar a atenção da mulherada e não espantá-las, se recusa colocar o devido adesivo no carro de portador de necessidades especiais (o azul aí de cima, que a gente tanto fala por aqui), para em um semáforo, é abordado por um ladrão que ordena que saia do veículo (zero KM).

__Mas eu sou deficiente, não faça isso comigo!! Por favor!! choraminga o rapaz.
__Deficiente é o cacete!!! Cadê o adesivo??? Vaza, perdeu!! diz o bandido, exemplo de consciência social.

segunda-feira, 13 de julho de 2009

Balanço de meio de ano.

Quando o ano começou eu estava cheio de ansiedade em relação a muitos projetos que poderiam virar realidade.

Parte Boa...
Minhas camisetas foram um sucesso na Reatech.
Conheci pessoas que nunca imaginei que conheceria.

Parte para apagar da memória...

Sempre fui um cara sonhador e muitas vezes ingênuo, por isso acredito, espero, faço planos...imaginei que esse ano conseguiria um emprego real, necas!!!Não veio.

Por isso faço um balanço de meio de ano, para dar tempo, esse ano mais coisas devem acontecer.




Feliz segunda metade de 2009!!



terça-feira, 7 de julho de 2009

Uma Noite Emocionante


Terça-feira passada (30/06), fomos a um bar da cidade, o Mad Jack, para o lançamento do livro de um amigo que era virtual até então, o Fábio Cassiano, malacabado como eu porém, um poeta.
Confesso que estava um pouco ansioso com o evento. Tentei chamar algumas pessoas, mas não tive sucesso. Eu não, mas o evento e lógico o Fábio, conseguiram!
O bar estava lotado e o bacana era que em todas as mesas dava para se notar, um exemplar do poeta.
Ainda não li o livro, ainda não me emocionei com ele...porém nessa noite, saímos de lá felizes e emocionados com o evento.

(Eu e o meu primeiro amigo poeta, Fabio)


Parabéns Fabião, pela obra, pela noite de sucesso e pela família que tem.


Quem se interessar pela história do Fábio ou pelo livro, é só entrar em contato via blog ou email: www.poetafabiocassiano.blogspot.com fabiocof@hotmail.com

quinta-feira, 2 de julho de 2009

Insuportavelmente Feliz

Como esse blog não tem pretensão nenhuma em ser politicamente correto, hoje vou falar do maior amor da minha vida.
Sport Club Corinthians Paulista

Estou feliz da minha vida, sei perfeitamente que outros 170 milhões de brasileiros, estão putos. Mas a "maioria" de 30 milhões, está feliz da vida!

Esse post é uma homenagem aos meus amigos que não acreditavam (síndrome da inveja) que o Gordo resolveria.

Parabéns CORINTHIANS, nem mesmo a divulgação de um DVD querendo concorrer com o "Fiel", conseguiu estragar a festa. Muito pelo contrário, deram um tiro no próprio pé!
Coisa de gaúcho, sei lá!!
(vice-presidente do Inter, nosso mais novo torcedor)


Aos 38 leitores desse blog....semana que vem volto a normalidade, preciso juntar uma grana para ir a Dubai.....ainda estou bêbado de alegria.


segunda-feira, 29 de junho de 2009

Trenzinho II



Meus problemas com os pedreiros da casa ao lado, acabaram!
Pra quem não sabe da história, clique aqui.

Recebi do governo do Estado de São Paulo, uma stand table. Com esse aparelho, consigo ficar em pé sozinho, sem ninguém me segurando por trás. Ufa!!!!

Quero deixar aqui a dica: não sei ao certo se isso é lei, mas o governo tem a obrigação de doar cadeiras de rodas, orteses, próteses, andadores e demais aparelhos, bem como materiais de uso contínuo, como sondas, xilocaínas, gaze, luvas de procedimentos....

Faça valer os seus direitos!

sexta-feira, 19 de junho de 2009

Quando eu crescer vou querer ser.....


Em 96, decidi que iria entrar de cabeça na profissão de ator. Me matriculei na melhor escola de formação de atores de São Paulo e lá fui eu. Três vezes por semana, pegava o ônibus às 5 da manhã para chegar a aula às 8hs na capital.
Dedicação nunca me faltou. Foram 2 anos sem faltar um dia sequer.
Depois fui para outra escola (Teatro Escola Ewerton de Castro), onde me profissionalizei e na qual realmente comecei a aprender sobre a difícil arte de interpretar. Continuava indo e vindo de Jacareí a São Paulo, agora todos os dias.
Depois de formado, fui morar na capital, corri bastante atrás de um lugarzinho ao sol. Alguns trabalhos aconteceram, mas...sempre vendendo o almoço para comprar a janta.

Por que estou escrevendo isso??

Fico "fulo" da vida quando escuto algum "ator", que ganhou um prêmio ou fez um filme que bombou, dizendo: "eu nem pensava nisso, nem queria ser ator...aconteceu sem querer".
Que porra!!
Corri tanto atrás disso!
Fui morar no Rio. Fiz um monte de trabalho como elenco de apoio (pra não dizer figuração).
Tá certo, pode ter me faltado talento, não sei...mas jamais faltou vontade e disciplina.
Mas escutar o cara falando: "tava num shopping e alguém me abordou e hoje estou aqui na das 8".
É de morrer!

Mas é real não é? Acontece...
Eu não queria ser cadeirante e hoje estou aqui sendo.
Do nada virei cadeirante, designer gráfico, criador de camisetas, blogueiro....
Agora decidi ser JOR-NA-LIS-TA!

Já tem tanta merda por aí e agora nem diploma exigem mais.

Cuidado Brasil!!

segunda-feira, 15 de junho de 2009

Acompanhados

Imaginem a cena....
Bahuan, que é deficiente visual, tenta entrar em loja de 1,99 na Índia, para comprar um presente para a mãe. Não teria nada demais essa notícia, não fosse pelo simples fato de o menino ter sido conduzido pelo seu elefante guia!
Outra....
Titicanê, menino africano de 12 anos que sofre de síndrome do pânico, vai ao jogo de futebol da seleção local acompanhado de seu amigo Ruge, um leão de 7 anos e faminto.
A última,
Mary Ann, australiana de 47 anos, que sofre de depressão profunda, vai com seu Coala a uma loja em um shopping de Sidney, para comprar um casaco de pele. Seu companheiro ao ver na vitrine pedaços de seus familiares, morre de bate e pronto....

Não entenderam nada, não é?
Então assistam ao vídeo que minha amiga Silvia traduziu, sobre uma reportagem que passou na TV americana.

Ai, se essa moda pega....


http://www.youtube.com/watch?v=up3Oa1aRi7w



quinta-feira, 11 de junho de 2009

Um texto para a vida.

Esse texto eu recebi de uma amiga, Maysa.
Muito obrigado!




E o que é que ela vê nele? Nossos amigos se interrogam sobre nossas escolhas, e nós fazemos o mesmo em relação às escolhas deles.
O que é, caramba, que aquele Fulano tem de especial? E qual será o encanto secreto da Beltrana?
Vou contar o que ela vê nele: ela vê tudo o que não conseguiu ver no próprio pai, ela vê uma serenidade rara e isso é mais importante do que o Porsche que ele não tem, ela vê que ele se emociona com pequenos gestos e se revolta com injustiças, ela vê uma pinta no ombro esquerdo que estranhamente ninguém repara, ela vê que ele faz tudo para que ela fique contente, ela vê que os olhos dele franzem na hora de ler um livro e mesmo assim o teimoso não procura um oftalmologista, ela vê que ele erra, mas quando acerta, acerta em cheio, que ele parece um lorde numa mesa de restaurante mas é desajeitado pra se vestir, ela vê que ele não dá a mínima para comportamentos padrões, ela vê que ele é um sonhador incorrigível, ela o vê chorando, ela o vê nu, ela o vê no que ele tem de invisível para todos os outros.
Agora vou contar o que ele vê nela: ele vê, sim, que o corpo dela não é nem de longe parecido com o da Daniella Cicarelli, mas vê que ela tem uma coxa roliça e uma boca que sorri mais para um lado do que para o outro, e vê que ela, do jeito que é, preenche todas as suas carências do passado, e vê que ela precisa dele e isso o faz sentir importante, e vê que ela até hoje não aprendeu a fazer um rabo-de-cavalo decente, mas faz um cafuné que deveria ser patenteado, e vê que ela boceja só de pensar na palavra bocejo e que faz parecer que é sempre primavera, de tanto que gosta de flores em casa, e ele vê que ela é tão insegura quanto ele e é humana como todos, vê que ela é livre e poderia estar com qualquer outra pessoa, mas é ao seu lado que está, e vê que ela se preocupa quando ele chega tarde e não se preocupa se ele não diz que a ama de 10 em 10 minutos, e por isso ele a ama mesmo que ninguém entenda.

Martha Medeiros

segunda-feira, 8 de junho de 2009

Feliz com vc!

Certa vez o Evandro me perguntou:
“por que vc não escreve alguma coisa no blog?” e chegou o dia.

Um dia especial pois completamos 3 anos de casados (9 anos juntos). Três anos de lutas, de projetos, de realizações, de choros e risos. Não dá pra contar tudo o que passamos nesse tempo.
Lembro-me a primeira vez que o vi como “Diabo da Fonseca”, a segunda na apresentação do coral na Igreja Santa Cecília, a terceira e arrebatadora em “Aurora da Minha Vida”.
Depois de realmente nos conhecermos não tive dúvidas que o Evandro era o “homem da minha vida”.
Seu bom humor, seu sorriso, o jeito como me olha fazem com que eu o ame cada dia mais.

Amor: -- Minha admiração por você só aumenta. Depois de tantos aprendizados, veio o computador e o 3DMax, o Catia, o Corel... para quem só ligava o computador pra ver e-mail é um grande feito. Uma nova profissão surgiu; com sua criatividade criou as camisetas (e cada dia um desenho novo), está engajado na causa da acessibilidade... enfim; você mudou bastante, mas não perdeu sua essência – seu lado moleque, brincalhão, sonhador , tudo isso permaneceu intacto.
Sinto orgulho em tê-lo como meu marido.
Feliz Aniversário de casamento.
TE AMO !!! E vamos ter nossa “Daniela” , ou o “Theo” se for menino...

postado por Fabíola

sexta-feira, 5 de junho de 2009

PONTOS VERMELHOS

Os pontinhos vermelhos mostram as cidades onde nossas camisetas chegaram.
Não é nenhuma gripe suína, mas devagar a gente vai se espalhando... o povo vai VESTINDO INCLUSÃO...e o melhor, divulgando a acessibilidade, combatendo o preconceito e tocando os corações!




Muito obrigado a todos!

sexta-feira, 29 de maio de 2009

Moda, eu não sou seu escravo!


Moda é uma coisa estranha, não é?
Quando penso nos anos 80, putz, dá uma vergonha...calça beg ou semi beg, jardineira (que credo!), gel no cabelo (estilo Exterminador do Futuro), Camisas de Viscose (hehe, Sandrão, fazendo estilo Agostinho Carrara), de flanela, carteira emborrachada, New Balance ou Le Cheval, relógio digital (calculadora), chaveiros de E.V.A usados nos zipers das mochilas emborrachadas, as meninas usavam o boneco Agarradinho nas bolsas...entre outras.
Lembram de mais alguma?

E quando íamos a alguma lanchonete (nem existem mais, tudo virou bar ou café) e via um casal chegando num fiat 147. E o cara, já de pronto, para marcar presença, deixava seu radio toca fitas double reverse de gaveta, sobre a mesa para deixar claro que era o "fodão do pedaço".

Quem ditava a moda: Juba e Lula (Armação Ilimitada), Menudos (né, Lê?), New Kids On The Block (odiava esses caras), Cindy Lauper, Michael Jackson (pardo na época), Os Gonnies....

Quantas coisas mudaram.... a moda é foda.

Agora quando saio de casa, tenho que levar comigo algumas coisas fundamentais para um paraplégico. Sondas, material de higiene, álcool gel, saquinho coletor....tudo para dar uma aliviada na bexiga.
Porém, nada disso e nem os anos 80 me fizeram usar pochete.....
"Cruzcredo", dessa eu escapei e com orgulho!!

quinta-feira, 21 de maio de 2009

Enfim...o chão!


Acordei todo disposto a iniciar o combate a perda do meu avantajado "pancéps".
Céu azul, bike pronta...me transfiro (ainda com dificuldade) para a Manoelita (minha bike), após a atormentação da Fá,"coloca o celular dentro da calça"...portão aberto e, é só partir...fui
Andar de Hand é muito gostoso, mas para quem só tem os braços para "medalar", é desgastante e necessita de grande preparo para trajetos maiores. A falta da musculatura abdominal se faz presente, então acabo não indo muito longe.
O lugar onde moro é tranquilo, tem muitas ruas sem saídas e em declive. Aproveitando uma dessas, lá vou eu......pensei:"esse retorno vou fazer sem frenar.....aiiiii..putiz.......CHÃO". Não deu outra, a bike virou e, "Tá lá, um corpo estendido no chão!!" diria um narrador de futebol anos atrás.
O pior, caí atrás de uma árvore, ninguém que passasse na rua me veria. Pego o celular de dentro da calça, ligo para a Fá e nada...
"Vou ficar aqui até umas 5 da tarde, quando as pessoas começarem a voltar para casa, alguém vai me ver..."acreditei.
Parece piada, mas depois de uns 10 minutos no asfalto quentinho, meu intestino começou a dar sinais de vida....barulhos, contrações...
Comecei a rir imaginando uma possível manchete naqueles jornais sensacionalistas:

"Após 7 horas sob o sol forte, ciclista é encontrado em estado de decomposição!"

Depois de alguns minutos de pensamentos ruins, tento mais uma vez e a minha Fá atende o tel e me socorre.
Não saio mais sem o celular, mas da próxima vez, com crédito!!

domingo, 17 de maio de 2009

Esse post é para os 22...

Esse post é para os 22 que me acompanham e mais duas tias "analfabetas digitais" que seguem esse blog em papel, impresso pelo meu pai (paper boy)...

O dia dos namorados está chegando...
Então, criei essas estampas para comemorar essa data "tesônica".

Homenageie ou seja homenageado....
Essas só sairão por encomenda! legalcontato@hotmail.com

sexta-feira, 15 de maio de 2009

Nem sei como começar...

Nem sei como começar esse post.
Quero agradecer aqui a empresa Fademac, de Jacareí, pela disposição, pelo carinho e principalmente, pelo gesto.



Ps.: recebendo a cadeira dos funcionários.
Olhos vermelhos, dessa vez não foi culpa do flash.



Ontem ao chegar na quadra de basquete, fui presenteado por essa empresa com uma cadeira de rodas adaptada para basquete, feita sob medida (com cambagem, inclinação necessária, protetores e amarrações).
Estava meio ansioso em relação aos outros jogadores, em como eles reagiriam. Mas o bacana foi que consegui enxergar a alegria nos olhos de cada um, como se a cadeira fosse para cada um deles.

São grandes amigos.


Aproveitei e passei minha cadeira usada pra frente....e um rapaz que assistia ao treino, sentado numa cadeira que deveria ter uns 8 anos de muito uso, pediu para se sentar na cadeira antiga. Sentou, abriu um puta sorriso e disse: "Evandro, essa cadeira é uma delícia! Posso ficar com esse assento?".
Caraca, eu feliz da vida com a ajuda da Fademac, pude ajudar um amigo com um assento, o outro com as rodas....
Quem nunca assistiu ao filme "Corrente do bem", deve alugá-lo já!
Por que fazer o bem e passar adiante é possível e gratificante.


Bora para o jogo MAD MAX, "noís é sangue no zóio"!!

segunda-feira, 11 de maio de 2009

O Dia das Mães

No sábado levamos minha mãe e minha sogra para um jantar japonês. Foi a maneira que escolhemos para comemorarmos o dia delas.
Aí, ontem antes do tradicional almoço das mães, fui com o meu irmão, Leandro, para São Paulo para realizar um sonho que perseguia há 2 anos....comprar uma HandBike (bicicleta adaptada para paraplégicos). Como ainda não tenho um carro adaptado, pretendo com ela, ganhar um pouco mais de liberdade e diminuir o "pancéps". E quem sabe entrar em uma equipe de ciclismo e começar a competir também.
Mas o mais legal foi quando cheguei na casa da minha mãe para o almoço e perguntei o que ela tinha achado do jantar. Ela disse:"Ah, filho foi bom,... mas o que mais gostei hoje, foi ver que conseguiu comprar a bike, tô tão feliz", e me abraçou como se o presente fosse pra ela.
Mãe tem dessas coisas, não é?






quarta-feira, 6 de maio de 2009

Da digital para a impressa

Depois de me presentear com os seus comentários, com a divulgação das minhas camisetas nos EUA, com um "esticator tabajara"(uma mão de alumínio que me auxilia em casa)... Silvia Dutra, minha amiga virtual que vive nas terras do "Obamis", aprontou mais uma. Ela, que é jornalista, e que escreve para uma revista que circula por um bairro bacana de São Paulo, divulgou o meu blog no perfil da edição do mês de maio.
Confira abaixo, é só clicar na imagem que ela ficará grandona.



Amigos a gente não escolhe, é escolhido.
Silvia, muito obrigado e um grande beijo no seu coração!