segunda-feira, 12 de maio de 2008

Que AMOR é esse?


Ela me daria , sem dúvida alguma, suas pernas para eu voltar a caminhar. Abriria mão do seu coração e até da sua alma para me ver feliz.

Já tive tantas provas desse amor, um amor que não pede nada em troca.

Um amor que não tenho como retribuir, a não ser, lutando pra levantar sem jamais perder a fé.

Obrigado mãe. Obrigado por me fazer forte. Obrigado por tudo, principalmente por me levantar todos os dias com a sua esperança, com seu beijo e com seu grandioso AMOR.


TE AMO.

Um comentário:

Natalia disse...

Amei o seu blog tio!!!Continue escrevendo!Bjos tchau!