terça-feira, 17 de abril de 2007

Acelerar é preciso!


Domingo visitei a REATECH, feira voltada pra deficientes.

Pilotei um Kart adaptado! Que sensação maravilhosa! Não tinha muita velocidade, mas a sensação do vento batendo no rosto, e a de domínio de uma máquina depois de quase 2 anos só tocando a cadeira, foi muito bom.....

Minha mulher disse, que eu parecia uma criança pela primeira vez num carrosel.

Se vc tem algum problema que dificulte fazer alguma coisa, faça outra ou outra, ou...

Com certeza achará prazer em coisas que nem pensava existir.

Não deixe que a monotonia tome conta de vc.

A vida é pra ser vivida! E ela passa muito rápido. Então, acelere sua vida!

7 comentários:

Fabiola disse...

Oi Amor!
Adorei esse depoimento. Vc parecia mesmo uma criança. Fiquei tensa na hora, mas gostei de ver a satisfação em seu rosto.
Te amo.

Ana Paula disse...

Trabalho com seu irmão Leandro e leio sempre seus depoimentos e com certeza estou aprendendo muito com você.
Seus depoimentos estão me dando tapas na cara, muitas vezes nos preocupamos com pouca coisa e um probleminha se transforma em problemão...a sua alegria e vontade de viver tem me mostrado o quanto é importante uma amizade e a família.
obrigada!!!

Paulo disse...

Fala brother, blz???

Fico feliz demais em saber que você está assim, encarando a vida com esta dedicação, com essa sua alegria.....

É isso aí, bola pra frente, dedicação, pensamento positivo, e fé, acima de tudo fé.....tudo vai dar certo, estarei sempre aqui na torcida. E na próxima ida à Jacareí vou chegar na sua casa com uma caixa de Skol na mão, pra relembrarmos muitas coisas....rsrsrsrs.

Felicidades, beijo, fica com Deus....

Paulinho da Mangueira

monise disse...

Oi, Evandro!
Parabéns pelo o seu blogger! Continue sempre assim. Foi muito bom ser a sua amiga no orkut, viu? Espero que a nossa amizade dure para sempre. Um beijão!!! Monise

lebonocchi disse...

RRRRRRuuuuuuubinho pé de chinelo!!!!
mesmo sendo o unico a correr na pista vc ficou por último.
seu forte é o ps2.

Anônimo disse...

que lindo o que a fabi escreveu...
fico imaginando a sua felicidade...
que bom, né? ser feliz!!!!!

Anônimo disse...

me esqueci de assinar, foi mal, milena